Você já percebeu que as latas estão cada vez mais presentes nas prateleiras das lojas de cerveja artesanais?

Algumas pessoas não gostam, outras curtem o visual e já outras preferem as latas do que as garrafas.

Confira o artigo e saiba mais sobre esta tendência!

cerveja-artesanal-em-lata_brasileiras
Cada vez mais microcervejarias brasileiras estão aproveitando as vantagens das latas.

Esta não é uma tendência só aqui no Brasil. Na Europa as latas ainda são pouco comuns entre as pequenas cervejarias, mas nos EUA a bola começou a rolar em 2002 com a Oskar Blues, do Colorado. Na época os caras foram bastante ousados ao lançar sua cerveja carro-chefe, a Dale’s Pale Ale, e posteriormente a sua linha completa, em lata. Isso porque, naquele período, as latas eram um tipo de embalagem usado apenas por grandes cervejarias. Ver uma Pale Ale em lata dava um nó na cabeça dos consumidores de cervejas artesanais! Hoje, mais de 500 microcervejarias norteamericanas trabalham com latas.

cerveja-artesanal-em-lata_oskar-blues
A cervejaria Oskar Blues foi a primeira microcervejaria dos EUA a envasar suas cervejas em latas.

Aqui no Brasil, a situação era parecida até pouco tempo atrás. Foi por volta de 2015 que começaram a surgir as primeiras cervejas artesanais brasileiras em lata. Entre as pioneiras estão a Dado Bier, de Porto Alegre/RS, e a Dádiva, de Várzea Paulista/SP. E várias cervejarias foram seguindo a trilha. Hoje até os consumidores já estão mais acostumados – tem até os que defendem as latinhas a ferro e fogo, enquanto outros não abrem mão das tradicionais garrafas de vidro.

Afinal, quem tem razão nesta história?

Lata vs. Garrafa: vantagens e desvantagens

Como tudo na vida, há vantagens e desvantagens em cada alternativa, e não há uma resposta definitiva. Tudo vai depender de diversos fatores como o tamanho da cervejaria, o capital disponível para investir em novos equipamentos, e até o estilo a ser envasado. Cervejas delicadas como as Pilsner, ou lupuladas como as IPAs, podem se beneficiar do envase em lata. Já cervejas de guarda, como Barley Wines ou Wood-Aged, pode ser mais interessante envasar em garrafas.

Mas para facilitar a discussão, listamos aqui algumas das vantagens e desvantagens de cada tipo de embalagem.

LATAS

GARRAFAS

Vantagens

  • Protegem a cerveja completamente da ação de raios UV.
  • Maior proteção à oxidação.
  • São mais leves, fáceis de empilhar e manusear.
  • São recicláveis (quase 100% no Brasil).
  • Atualmente é possível terceirizar o envase, o que libera a cervejaria da necessidade de ter uma envasadora própria.
Vantagens

  • São versáteis, com volumes variando de 250 ml a mais de 3 Litros, em diferentes formatos.
  • São retornáveis.
  • São acessíveis, tanto em custo como em disponibilidade.
  • Equipamento para envase é mais barato.
Desvantagens

  • Exigem cuidado no envase e manuseio como, por exemplo, sempre manter latas não-pasteurizadas sob refrigeração. Há casos em que latas estufam ou até se abrem devido a falhas no envase e/ou armazenamento.
  • Ainda há um certo preconceito de alguns consumidores, que associam este tipo de embalagem com cervejas massificadas.
  • Equipamento para envase é mais caro.
Desvantagens

  • Permite que raios UV atinjam as cervejas, com o tempo gerando compostos aromáticos desagradáveis (conhecidos como “light-struck” ou “skunky”).
  • São mais pesadas do que as latas, aumentando custos de transporte.
  • Apesar do vidro ser um material reciclável, ainda se recicla pouco (em torno de 45%) no Brasil.
  • As tampinhas podem causar defeitos sensoriais se forem mal colocadas ou estiverem em mal estado.

 

Vale notar que a discussão se extende não apenas às cervejas que estão nas prateleiras, mas também nas torneiras. Sim, hoje existem também “growlers” (garrafões para levar cerveja tirada em equipamento de chope) de lata, chamados de Crowlers. O nome vem da junção de Can (“lata”, em inglês) + Growler. Ao contrário dos growlers de vidro, cerâmica ou inox, os crowlers não são reutilizáveis, mas compensam sendo muito mais baratos. Aqui, também, a melhor opção vai depender da sua necessidade.

Algumas cervejas artesanais em lata para conhecer

Agora que já esclarecemos algumas das principais dúvidas sobre as embalagens, vamos falar sobre o que interessa: o que está dentro delas! Confira aqui algumas cervejas artesanais em lata que vale a pena provar.


Tudo indica que o envase em latas continuará sendo uma boa opção para as microcervejarias, mas dificilmente tomará o lugar das garrafas, que também têm seu valor.

E aí, o que você está achando desta tendência das cervejas artesanais em lata? Deixe sua opinião nos comentários!


0 Comments

Post your comment

XHTML: You can use these tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>