Bem-Vindo
Bem-Vindo a rede de lojas Mestre-Cervejeiro.com. Desde 2004 promovendo a Cultura Da Cerveja
Saiba Mais
Lojas
Mais de 60 lojas em Todos o Brasil. Conheça as nossas lojas e as suas localidades.
Saiba Mais
Cervejas e Produtos
Oferta de mais de 1000 cervejas e uma diversidade de presentes e acessórios da Cultura da Cerveja
Saiba Mais
Produtos da Marca
Cervejas e Produtos de alta qualidade da marca Mestre-Cervejeiro.com, exclusivos para a nossa rede.
Saiba Mais
Seja um Franqueado
Invista no mercado em plena expansão de cervejas artesanais. Conheça o nosso sistema de franquia.
Saiba Mais
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • Bem-Vindo
  • Lojas
  • Cervejas e Produtos
  • Produtos da Marca
  • Seja um Franqueado

Galeria de Fotos

São mais de 60 lojas em todo o Brasil, com uma oferta de 1000 rótulos de cerveja cadastradas, cada loja operando com 150 a 350 rótulos, e uma diversidade de presentes e acessórios da Cultura da Cerveja.
  • Desde 2004 no mercado
    O Mestre-Cervejeiro.com promove a Cultura da Cerveja há 12 anos. Sempre através de conteúdo e atendimento focado no cliente.
  • Ambiente para todos
    As nossas lojas estão abertas para todo tipo de público, do curioso ao cervejeiro experiente. Todos são bem vindos, inclusive crianças e também os bichinhos de estimação.
  • Os mais diversos estilos
    As cervejas também são para todos os gostos, dos mais diversos estilos, das nacionais de micro cervejarias e as importadas. O que importa é a diversidade e a qualidade.
  • Tomadas e Wi-Fi
    As lojas além da grande oferta de produtos, espaço para degustação, também contam com bancadas com tomadas e wi-fi aberto para os clientes. Já pensou em variar o seu ambiente de trabalho?
  • Viva a Cultura da Cerveja!
    A cerveja não se limita ao copo, saiba mais sobre a bebida de maior consumo do planeta. Acesse o nosso conteúdo sobre cerveja, exclusivo feito por nós, que é referência no mercado cervejeiro.

Mestre-Cervejeiro.com Escritório Central
Atendimento de seg a sex das 9h as 18h.

41 3117-9155

Lojas: para horários de funcionamento, verifique com cada localidade

Estupidamente ou ambiente? Afinal, qual é a temperatura ideal para se degustar as cervejas? A temperatura ideal vai depender do estilo, da qualidade da cerveja e principalmente do gosto pessoal de cada um.

Saiba Mais

 

imageArtigos

Mais de 8 cervejarias e muita diversão e lazer

Muito se fala sobre a rota dos vinhos no Rio Grande do Sul. E para os amantes de uma boa cerveja, qual a opção? A pedida é a Rota das Cervejas no Vale do Itajaí, em Santa Catarina


E para os amantes de uma boa cerveja, qual a opção? A pedida é a Rota das Cervejas no Vale do Itajaí, em Santa Catarina. Em um raio de 40 km partindo de Blumenau – a capital da cerveja no Brasil – o cervejeiro desbravador poderá deliciar-se em 8 cervejarias, aproveitar a gastronomia típica e respirar a cultura alemã da região. Tudo isso acompanhado de muita receptividade do povo blumenauense e dos seus simpáticos vizinhos.  As cervejarias da região se preocupam em respeitar a Lei de Pureza Alemã de 1516, a Reinheitsgebot – que apenas permite a utilização dos quatro ingredientes fundamentais à produção de cerveja: malte de cevada ou de trigo, lúpulo, levedura e água. O resultado são cervejas saborosas, livres de adjuntos ou conservantes.

Essa atração da Rota das Cervejas é o chopp fresquinho, servido de maneira apropriada. Existem também opções envasadas, que o visitante pode levar de recordação para apreciar em casa com a família e amigos.   Antes de pegar a estrada, a sugestão é verificar os horários disponíveis para cada cervejaria. Não esqueça de conferir também os horários de funcionamento daquelas que possuem bar ou restaurante anexo, assim como sua programação musical.

Cervejarias:

Blumenau:

Bierland (47) 3337-3100
http://www.bierland.com.br

Eisenbahn (47) 3488-7307
http://www.eisenbahn.com.br

Wunderbier (47) 3339-0001

Brusque:

Zehn Bier (47) 3351-6685
http://www.zehnbier.com.br

Gaspar:

Das Bier (47) 3397-8600
http://www.dasbier.com.br

Pomerode:

Schornstein (47) 3387-6655
http://www.schornstein.com.br

Timbó:

Borck (47) 3382-0587
http://www.borck.com.br

Indaial:

Heimat (47) 3333-1793
http://www.choppheimat.com.br

Distâncias rodoviárias entre Blumenau (SC) e a algumas cidades:

São Paulo: 680 km
Rio de Janeiro: 1.110 km
Belo Horizonte: 1.252 km
Curitiba: 251 km
Porto Alegre: 600 km
Florianópolis: 140 km
BR-101: 45 km

– Você já visitou alguma destas cervejarias?
– Já fez esta rota da cerveja?
– Teria alguma outra cervejaria ou rota para indicar?
[div class=”notice” class2=”typo-icon”] Sobre o autor

Daniel WolffDaniel Wolff é sommelier, especialista em cervejas, e editor do Mestre-Cervejeiro.com

Fale com ele: Facebook, Twitter ou Email

[/div]

 

imageArtigos

Dos mais variados estilos

Na busca constante por cervejas especiais, pela descoberta de novos aromas e sabores, nos deparamos com todos os tipos de cervejas. Algumas delas o primeiro contato não é tão marcante, já outras são memoráveis


Na busca constante por cervejas especiais, pela descoberta de novos aromas e sabores, nos deparamos com todos os tipos de cervejas. Algumas delas o primeiro contato não é tão marcante, já outras são memoráveis.

Separei uma lista dessas, que desde o primeiro gole, nos surpreende e ficam gravadas nos arquivos de bons momentos de nossas memórias. A maioria delas podem ser encontradas em território brasileiro – procurei ter esse cuidado aos escolhe-las. Com exceção da Augustiner Helles, que até o momento nenhum importador a trouxe para cá,  podendo ser degustada somente em Munique, capital da Baviera na Alemanha. Aproveito para deixar aqui também esta dica de viagem.

pic1.jpg

1. Christoffel Bier

[Teor Alcoólico: 6,0% – Estilo: Pilsener – Origem: Roermond, Holanda]

Uma cerveja do estilo Pilsener, porém a cervejaria preferiu não usar o termo Pilsener em virtude da vulgarização do termo e, também, para distinguí-la das demais de sabores massificados existentes no mercado. Ela se apresenta picante e seca no palato, com agradáveis aromas herbáceos.

 

Edelweiss Snowfresh

2. Edelweiss Snowfresh

[5,0% – Weizenbier – Linz, Áustria]

Distinta das cervejas de trigo alemãs, esta cerveja é elaborada com ervas alpinas. Esta virtude confere a ela aromas florais e de nozes, sabor equilibrado com uma boa e refrescante acidez.

 

Harviestoun Bitter & Twisted

3. Harviestoun Bitter & Twisted

[4,2% – Scottish Ale – Alva, Escócia]

Recém chegada no mercado nacional, esta é uma cerveja diferente de qualquer proposta. Elaborada com aveia e um blend de maltes (de cevada e de trigo), apresenta aromas cítricos, médio corpo e uma excelente acidez. Uma cerveja muito saborosa e refrescante.

 

Harviestoun Old Engine Oil

4. Harviestoun Old Engine Oil

[6% – Old Ale – Alva, Escócia]

O nome desta cerveja já diz tudo (Velho Óleo de Motor). De coloração escura e extremamente encorpada, sendo convidativa no palato e com aromas estonteantes de torrefação.

 

La Trappe Quadrupel

5. La Trappe Quadrupel

[10,0% – Quadrupel – Berkel-Enschot, Holanda]

Produzida em uma das 7 autenticas cervejarias trapistas do mundo – a única fora da Bélgica –, esta cerveja é fabulosa em aromas e complexa no paladar, sendo adocicada, com médio amargor e acidez. Destaque para sua apresentação em garrafa de cerâmica.

 

Jenlain Ambrée

6. Jenlain Ambrée

[7,5% – Bière de Garde – Jenlain, França]

Falar de França e falar de cerveja parece não combinar. Porém a Jenlain Ambrée comprova que existe sim ótimas cervejas gourmet francesa. Com aromas de licor de ameixa, levemente adocicada, médio corpo, esta é uma cerveja que combina bem com sobremesas e queijos de fungo azul.

 

Eisenbahn Oktoberfest

7. Eisenbahn Oktoberfest

[6,0% – Oktoberfest/Märzen – Blumenau, SC, Brasil]

A cervejaria Eisenbahn de Blumenau (SC), sempre reproduzindo estilos clássicos com maestria, acertou novamente com esta cerveja sazonal do mês de outubro. Uma Lager encorpada e maltada.

 

Fuller's London Porter8. Fuller’s London Porter

[5,4% – Porter – Chiswick, Inglaterra]

De coloração escura, reflexos cor de rubi, espuma rápida com cor de creme e aromas acentuados de chocolate amargo e café espresso. Ela possui muito corpo e amargor na medida certa.

 

pic9.jpg

9. Schöfferhofer Kristallweizen

[5,0% – Weizenbier Filtrada- Frankfurt am Main, Alemanha]

Diferente das outras cervejas Weizen, onde se destacam os aromas frutados e de especiarias, esta cerveja surpreende pelos aromas lupulados e pelo seu leve armargor.

 

pic10.jpg

10. Augustiner Helles

[5,2% – Münchner Helles – Munique, Alemanha]

Augustiner Helles é a cerveja preferida pela maioria dos Bávaros. Do estilo Clara de Munique (Münchner Helles) – típico da Baviera –, ela tem paladar levemente picante e maltado, baixo para médio corpo e aromas herbáceos.

 

[div class=”notice” class2=”typo-icon”] Sobre o autor

Daniel WolffDaniel Wolff é sommelier, especialista em cervejas, e editor do Mestre-Cervejeiro.com

Fale com ele: Facebook, Twitter ou Email

[/div]

imageArtigos

Equalizar, complementar ou contrastar

A regra básica para harmonizações entre bebidas e comidas é que os sabores e aromas do alimento não se sobreponham ao da bebida, e vice-versa. As harmonizações podem ter como objetivo equalizar, complementar ou contrastar os sabores e sensações do que se come com o que se bebe


 

A regra básica para harmonizações entre bebidas e comidas é que os sabores e aromas do alimento não se sobreponham ao da bebida, e vice-versa. As harmonizações podem ter como objetivo equalizar, complementar ou contrastar os sabores e sensações do que se come com o que se bebe.

O primeiro passo é conhecer as características da cerveja e as do prato que queremos colocar lado a lado.
É interessante conhecermos a grande diversidade de estilos existentes para termos opções na hora de formatarmos uma harmonização. Quanto mais estilos e marcas de cervejas tivermos como referência, mais fáceis e maiores serão as chances de acerto em nossas combinações.

Precisamos ter em mente que harmonizar é mais do que interpretar rótulos de cerveja –  Esta cerveja combina com massa –  isso é muito abrangente! Massa é um elemento neutro. Ou ainda: “Harmoniza com peixes”. Certo, mas o peixe é oleoso como o salmão, ou forte em sabor como o cação?

Devemos conhecer o prato, como ele é elaborado e o que o acompanha. Cada elemento vai interagir de forma diferente com a cerveja, e uma perfeita harmonização leva tudo isso em conta.

É pertinente fazermos perguntas do tipo:

– Qual é o molho desta massa?
– Como é elaborado este peixe? Grelhado ou ensopado?
– Quais são os acompanhamentos deste prato?

Com isso idealizamos os aromas e sabores que irão se formar no prato. E conhecendo as propriedades da cerveja, como corpo, aroma, acidez, doçura, alcoolicidade e amargor, conseguimos trabalhar a harmonização.

Em um dos eventos de harmonização que conduzi junto com o chef Gustavo Corrêa, de Vitória (ES), tivemos para o prato principal um delicioso Carneiro com Cuscuz Marroquino. Sugeri a cerveja Eisenbahn Weizenbock para este prato. Trata-se de uma bock de trigo, com coloração âmbar escura, espuma densa, aromas de frutas passas e castanhas, de alto teor alcoólico (8,5%), levemente adocicada, médio amargor, e que possui um excelente equilíbrio desta complexidade gustativa. As amêndoas e uvas passas do cuscuz refletiram os aromas da cerveja. A suculência da carne e o sabor marcante do carneiro foram rasgados pela alcoolicidade e o amargor da bock de trigo. A acidez e a sutil tendência à doçura do molho roti do carneiro com especiarias se equilibrarvam com a da cerveja.

Este é um caso de sucesso em jantares de harmonização. A sugestão do prato e da cerveja entraram em completa harmonia e proporcionaram um momento mágico para o grupo de 70 pessoas então presentes.

[div class=”notice” class2=”typo-icon”] Sobre o autor

Daniel WolffDaniel Wolff é sommelier, especialista em cervejas, e editor do Mestre-Cervejeiro.com

Fale com ele: Facebook, Twitter ou Email

[/div]